Capítulo IX

Uma Festa … Uma morte


Quando chegou a festa de aniversário de Vivian, estávamos todas muito animadas, ela estava firme com Fernando, Serena com André, Sopheaa quase lá com Vitor e as outras ainda estavam caçando.

Todos estavam felizes, menos os pais de Viv.

Eles tinham uma opinião estranha sobre o Fernando, não gostavam dele e toda a vez que Vivian pergunta qual era a razão, eles mudavam de assunto.

Naquele dia era proibido lágrimas, dormimos todas na casa de Vivian, para ficar mais fácil no dia seguinte.

Quando acordamos foi só correria, depois do banho, algumas foram arrumar o cabelo enquanto outras pintavam as unhas da mão.

Eram quase seis horas da tarde quando vestimos os nossos vestidos, o de Vivian era branco com detalhes de vidrarias cinzas, enquanto os outros quinze eram de variados tons de azuis, e cada um com seu próprio brilho.

Quando chegamos lá o nosso maior medo era a valsa, mas essa só seria mais tarde, então até lá o medo já seria ato passado.

Vivian estava com a sua família, tirando algumas fotos para futuras recordações quando alguns homens apareceram no salão.

Seu pai tremia, disse algo no ouvido da esposa e foi ao encontro deles, Vivian não percebeu, nesse momento ela estava conversando com Megan, no outro lado do salão.

Aparentemente ela havia encontrado um rapaz bem bonitinho enquanto andava pelo salão, ela passou algumas vezes do lado dele e nada, ele nem sequer olhou para ela.

Vivian riu da expressão de Megan, enquanto esta estava encafifada com o rapaz e saiu para fazer mais algumas tentativas ….

……………………………………………………………………………………………………………………………

Enquanto a festa acontecia, homens conversam no porão localizado bem abaixo do local marcado para a valsa, um deles estava no centro, andava de um lado para o outro, ele tremia e não conseguia formular frases inteiras.

Havia mais homens no local, um deles estava sentado e olhava para aquele que tremia, parecia que este estava esperando uma decisão importante:

- Sabe o que acontecerá Jack, …Vivian ….

……………………………………………………………………………………………………………………………

A festa continuava agitada no andar de cima, todos se divertiam muito, no meio da comemoração, a mãe de Vivian sumiu.

Ninguém notou.

As horas se passavam, Megan ainda tentava chamar a atenção do rapaz do seu interesse, Vivian esperava que Fernando aparecesse, Sopheaa conversava com Vítor, Serena estava em um canto isolada com André e as outras com os seus respectivos pares, tentando usufruir da festa de uma maneira positiva.

Chegou a hora da valsa, as meninas foram chamadas para tomarem a sua posição, Vivian estava nervosa, seu pai estava sumido.

……………………………………………………………………………………………………………………………

Ainda no porão o homem tremia, estava agora contra a parede, meia dúzia de armas estavam na sua direção, ele não tinha mais saída, sua vida já era:

- Quem sabe um dia Jack? …. Hoje não, tenho uma valsa agora…

E ele saiu….

……………………………………………………………………………………………………………………………

Vivian estava cada mais mais nervosa, ela olhava de um lado para o outro e nada, até que uma rosa surgiu na sua frente, ela olhou e viu Fernando:

- Vamos dançar?

Ela acenou que sim, depois conversaria com seu pai, ele iria entender.

Eles valsaram como nunca foi visto antes.

Enquanto isso, seu pai era brutalmente assassinado no porão…