Como otimizar seu The Sims 3 e jogar com menos (ou sem) lag!

Então, você acabou de abrir seu The Sims 3 com todos os pacotes instalados para relembrar os bons tempos que você passou nessa geração, ou jogá-lo pela primeira vez, e de acordo com as especificações do seu computador você deveria rodar o jogo sem problemas…. mas ele está rodando igual um lixo?! Nós temos a solução permanente para seus problemas.

O The Sims 3 é um queridinho da franquia The Sims, mas há alguns anos ele vêm sendo bastante problemático por causa de suas centenas de bugs e travamentos repentinos. Graças ao @Crosimmer, nós trazemos para vocês a solução completa para seus problemas no jogo.

Graças à essas correções listadas abaixo, nosso jogo agora funciona perfeitamente e não há mais lag. As telas de carregamento incrivelmente estão muito mais rápidas e o jogo não sofre muitas quedas de FPS.

Nós vamos falar isso várias vezes nesse artigo, mas vale ressaltar novamente que sempre que você for alterar algum arquivo do jogo, NUNCA. ESQUEÇA. DE. FAZER. BACKUP. DELES. OBRIGADO!

Antes de prosseguir, esclareceremos algumas coisas:

  • As correções que ensinaremos abaixo funcionaram perfeitamente para nós, e nos permitiu jogar o The Sims 3 sem problemas de performance;
  • Até então, sabemos que essas correções funcionam apenas para PC, já que não possuímos um Mac. Mas se algum portador de Mac quiser tentar, fica à vontade e nos informe se funcionar;
  • As correções foram testadas nas versões 1.67 e 1.69 do The Sims 3, e em ambas versões o desempenho foi semelhante;
  • Essas correções funcionarão em todos os tipos de instalação do jogo, seja em CD, Origin ou Steam;
  • Dependendo das especificações do seu computador, seu ganho de desempenho pode variar. Se você tiver um computador mais potente, pode ter certeza que o lag vai acabar. Se você tiver um computador mais simples, o jogo travará menos, desde que você diminua seus gráficos;
  • Provavelmente isso vai parecer um CD arranhado, mas FAÇA BACKUP DE CADA ARQUIVO DO SEU JOGO ANTES DE QUALQUER MODIFICAÇÃO!

1 – Instale o Jogo Base, atualize-o caso for necessário, e então instale todos os pacotes

Se você preferir instalar o jogo pelo CD:

  1. Instale o jogo base;
  2. Atualize-o com o  superpatch 1.67 para todas as regiões
  3. Uma vez que você executar o superpatch, ele será instalado e isso deve gerar uma mensagem de “instalação bem-sucedida”. Abra o executável do jogo e verifique se a versão do jogo exibida é a 1.67.
  4. Instale seus pacotes.
– Se você possui o jogo base e suas expansões na Steam, instale por lá, e seu jogo deverá estar atualizado na versão 1.67; o jogo pela Steam não possui a atualização para a versão 1.69.

– Se você possui o jogo base e os pacotes pela Origin, instale por lá; o jogo estará atualizado na versão 1.69 por padrão.


2 – Atualize seus gráficos e os arquivos da sua placa de vídeo para que o jogo reconheça-a

Se você acabou de instalar seu jogo, execute-o uma vez para que sua pasta de usuário (a famigerada pasta de jogos salvos) seja criada; você vai precisar de algumas informações que constam no arquivo DeviceConfig.log. Por padrão, a pasta The Sims 3 será criada em ‘Documentos\Electronic Arts\. É quase certo que o jogo exiba um aviso de “placa gráfica não reconhecida” quando carregar o menu principal. Isso é esperado e esse passo irá consertar isso.

Se você já tiver jogado, e a pasta The Sims 3 já constar no diretório Documentos\Electronic Arts\, você não precisa abrir o jogo, já que a pasta já foi gerada.

Neste passo você irá atualizar os arquivos GraphicsCards.sgr e GraphicsRules.sgr com informações sobre sua placa de vídeo, porque o The Sims 3 não é capaz de reconhecer hardwares fabricados após 2012.

  1. Localize o arquivo DeviceConfig.log em Documentos\Electronic Arts\The Sims 3\ e abra-o com o Bloco de Notas.
  2. Busque a seguinte informação:
  • Avaliação da GPU, que deve ser a primeira informação logo abaixo de ‘=== Rating info ===’, por exemplo GPU: X (X sendo a nota que o The Sims 3 dá à sua placa de vídeo e espera rodar dentro deste parâmetro, numa escala de 1 a 5). Observe a captura de tela.

  • Informações da sua placa de vídeo, abaixo de ‘=== Graphics device info ===. Procure pelo ‘Nome‘ da sua placa, e o registro ‘Device‘. A linha ‘Name (database)‘ certamente exibirá ‘[Found: 0, Matched: 0]‘, já que o jogo não pôde localizar informações a esse respeito em sua base de dados. Observe o exemplo.

  1. Localize o diretório de instalação do jogo base, onde estão os arquivos ‘GraphicsRules.sgr‘ e ‘GraphicsCards.sgr‘. Para economizar tempo você pode clicar com o botão direito no atalho para o The Sims 3 e escolher ‘Abrir local do arquivo’. O local padrão (se você não tiver alterado) deve ser:
  • CD: C:\Arquivos de Programas (x86)\Electronic Arts\The Sims 3\Game\Bin\
  • Steam: C:\Arquivos de Programas (x86)\Steam\steamapps\common\The Sims 3\Game\Bin\
  • Origin: C:\Arquivos de Programas (x86)\Origin Games\The Sims 3\Game\Bin\
  1. Primeiro, faça backup de todos os arquivos, depois, abra o GraphicsCards.sgr. Se a fabricante da sua placa de vídeo for AMD, fica no topo do arquivo, onde diz vendor “ATI”. Se ela for da Nvidia, vá para baixo até encontrar vendor “NVIDIA”. Se ela for Intel Graphics, vá para baixo até encontrar vendor “Intel”.
  2. Agora que você achou sua fabricante, adicione as informações que você encontrou em log. O template é ‘card0x[ID do dispositivo] “[Nome da placa]‘. Se quiser, use de referência o print abaixo. Para placas de outras fabricantes, apenas adicione as informações como no template acima (abaixo do nome da fabricante) e salve as mudanças. Se você for redirecionado para Salvar Como ou para uma mensagem dizendo que as mudanças não podem ser salvas, coloque o arquivo na sua Área de Trabalho e faça as mudanças lá, então ponha o arquivo de volta na pasta Bin.

  1. Agora, vá para GraphicsCards.sgr, na qual você deve ter um backup. Aqui é onde a capacidade da placa entra: 1 é Low (Baixo), 2 é Lowmedium (Baixo-Médio), 3 é Medium (Médio), 4 é High (Alto), 5 é Uber (Ultra). Para cada fabricante, você terá seções para cada capacidade da placa. Se a capacidade da sua placa for 5, por exemplo, você irá adicionar ela na seção Uber, procure por ‘seti cardLevel $cardLevelUber‘ abaixo da sua fabricante, no caso de uma placa Nvidia, ‘if (match(“${cardVendor}”, “NVIDIA”)‘. Lembre-se de que o nome da placa está localizado acima de sua respectiva configuração, então, a lista de placas Uber está localizada acima de cardLevel $cardLevelUber. O mesmo para outras capacidades. Ao invés de uma nova seção, você pode simplesmente substituir uma já existente, já que ela não vai ser usada. Para uma GTX 1050 irei trocar GTX 6?? por GTX 10??. Se sua placa for diferente, troque pelo número da sua respectiva placa. Você também pode colocar o texto entre *asteriscos* com o nome completo da sua placa, isso também irá funcionar.

Se você tiver uma placa AMD, adicione o texto na seção ‘elseif (match(“${cardVendor}”, “ATI”))‘ no conjunto de entradas localizadas acima de suas respectivas capacidades.

Se você tiver um processador com gráficos integrados Intel (como Intel HD/UHD/Iris Graphics) provavelmente não vai precisar adicioná-lo ao arquivo GraphicsRules.sgr caso você tenha Matched: 1 escrito no seu arquivo DeviceConfig.log.

Não espere que seu jogo rode com absolutamente nenhum lag se você só tiver gráficos integrados.

  1. Volte para o topo do arquivo GraphicsRules.sgr e procure pela linha ‘seti textureMemory 32‘. Troque 32 por 1024 ou 2048 ou 4096, dependendo de quanta VRAM sua placa tem. Não use um valor maior que sua VRAM. Abaixo dessa linha, é possível ver ‘setb textureMemorySizeOK false‘. Adicione uma hashtag e um espaço depois dela, então, ficará ‘# setb textureMemorySizeOK false‘, salve o arquivo. Se você for redirecionado para Salvar Como ou para uma mensagem dizendo que as mudanças não podem ser salvas, coloque o arquivo na sua Área de Trabalho e faça as mudanças lá, então ponha o arquivo de volta na pasta Bin. Tanto GraphicsRules como GraphicsCards devem ter a extensão ‘.sgr’ para funcionar.
  2. Verifique se as mudanças fizeram efeito. Abra o jogo e feche-o, volte para Documentos\Electronic Arts\The Sims 3 e abra log. Se está dizendo ‘[Found: 1, Matched: 1]’ e exibe a memória de textura que você especificou, está pronto!


3 – Limite sua taxa de quadros

Essa solução, que parece ser menor e mais rápida que outras, talvez seja uma das mais importantes. Por predefinição, o The Sims 3 não tem um limitador de taxa de quadros integrado. Isso significa que placas de vídeo mais poderosas vão forçar o máximo de quadros por segundo possível, mesmo que as animações do The Sims 3 sejam executadas a 30 quadros por segundo, a rolagem seja mais fluida a 60 QPS e seu monitor provavelmente tenha uma taxa de atualização de 60 Hz. O problema com o The Sims 3 rodando com uma taxa de quadros altíssima é que a placa utiliza mais potência que o necessário, o que pode danificá-la a longo prazo. Abra o jogo e, assim que carregar um mundo, use o cheat ‘fps on‘. O contador de quadros deve aparecer no canto superior direito.

No entanto, limitar sua taxa de quadros é fácil, e existem várias formas de fazê-lo.

  • Opção 1: dll/antilag.cfg (funciona no Modo Janela)

    É essa que eu uso, e tem funcionado muito bem até agora (a 60 quadros por segundo). Você pode encontrar os arquivos requeridos aqui. Baixe o ‘FPS Limiter-34-V1-01.rar‘, extraia ‘d3d9.dll‘ e antilag.cfg na pasta Bin, e pronto. O jogo estará automaticamente limitado a 30 QPS quando você iniciá-lo. Use o cheat’ fps on‘ para checar.
    Embora as animações sejam executadas a 30 QPS, a rolagem pelos mundos fica bem mais fluida a 60 QPS, então talvez você queira que esse seja seu limite. Abra ‘antilag.cfg‘ no Bloco de notas, mude a linha ‘FPSlimit=30 para FPSlimit=60‘, salve as alterações, e pronto! Se o programa pedir para você Salvar como… ou dizer que as alterações não podem ser salvas, mova o arquivo para sua área de trabalho e faça as alterações lá, depois coloque o arquivo de volta na pasta Bin.
  • Opção 2: Limite a taxa de quadros pelo ‘Painel de Controle‘ da sua placa de vídeo. Se você tem uma placa da NVIDIA, clique com o botão direito do mouse na sua área de trabalho e abra o ‘Painel de Controle da NVIDIA‘. Também é possível procurá-lo no menu Iniciar.
    1. No lado esquerdo, em Configurações 3D, clique em ‘Gerenciar Configurações 3D. Na janela central, clique em Configurações do Programa. Esta janela deverá abrir:
    2. No menu suspenso, em ‘Selecione um programa para personalizar‘, localize o ‘Sims 3 (ts3.exe) se você instalou seu jogo na Origin (1.69), ou localize o ‘Sims 3 (ts3w.exe)‘ se você o instalou na Steam ou via CD (1.67). Se nenhum executável do jogo aparecer, clique em ‘Adicionar‘ e role a página até encontrá-lo, ou navegue pelos arquivos do jogo manualmente.
    3. Em ‘Especificar as configurações deste programa‘, role a página para baixo até encontrar a configuração ‘Taxa máxima de quadros‘. Habilite-o e defina o limite de FPS desejado. lembre-se que 60 é o máximo recomendado. Em seguida, role a página novamente para baixo e ative a ‘Sincronização Vertical‘ e o ‘Buffer Triplo‘.
    4. Clique em ‘Ok‘ e em ‘Aplicar‘ para salvar suas alterações, e pronto!
  • Opção 3: 3booter/FPSLimiter (talvez funcione no Modo Janela)
    Se as duas primeiras opções falharem, você pode tentar essa. É necessário renomear alguns arquivos, mas também funciona, e vai limitar seu jogo a 30 quadros por segundo. Quero agradecer Justmiha97 por testar essa solução e por ouvir minhas ideias loucas quando isso tudo começou.
– O The Sims 3 pode não usar sua placa de vídeo dedicada como padrão, então você deve se assegurar de que ela está sendo usada.

  1. Abra as ‘Configurações‘ do seu computador, vá em ‘Sistema > Vídeo‘ e role até achar ‘Configurações de Elementos Gráficos‘. Também é possível procurá-lo no menu Iniciar.
  2. Nas ‘Configurações de Elementos Gráficos‘, assegure-se de que a opção selecionada em ‘Escolha um aplicativo para definir a preferência’ seja ‘Aplicativo da Área de Trabalho’ e depois clique em ‘Procurar‘. Vá até a pasta de instalação do The Sims 3 e encontre ‘tsew.exe‘(CD 1.67 ou Steam) ou ‘ts3.exe‘ (Origin 1.69). Clique no arquivo e selecione ‘Adicionar‘, o ícone do jogo deve aparecer na lista.
  3. Clique no ícone do jogo, depois em ‘Opções‘, e escolha a placa de ‘Alta Performance (High Performance)‘, no meu caso a NVIDIA GeForce GTX 1050.
  4. Salve as alterações e pronto.


4 – Mods Nraas (funciona no Mac)

Além de ser extremamente útil para que você controle o jogo em quase todos os aspectos, alguns também são úteis para corrigir erros e melhorar a performance. Eu vou recomendar três mods, dos quais você provavelmente já ouviu falar. Existem outros que podem ser usados, mas esses são os mais importantes (assegure-se de que você escolheu a versão correta das atualizações!):

  1. Nraas Master Controller (e MC Integration)
    Esse é um dos mods mais importantes para o The Sims 3, na minha opinião. Enquanto ele tem muitas opções que te permitem manipular diversas áreas do jogo, quero que se concentre nas configurações relacionadas à performance, especificamente no Criar um Sim. Mais informação sobre cada função desse mod está disponível no site Nraas, em inglês.
  • Uma amostra por item Master Controller/Settings/CAS: Show in Compact Form: Accessories/Clothing/Hats
    Você pode esconder amostras adicionais para cada item no Criar um Sim, para que apenas uma amostra para cada item apareça no catálogo; amostras adicionais ainda estarão disponíveis em Criar um Estilo. Carregar roupas e acessórios deve ficar bem mais rápido.
  • Bloqueie conteúdo que não vai usar
    Você pode ocultar qualquer conteúdo do Criar um Sim, mas ainda mantê-lo no jogo. Aperte CTRL + botão direito do mouse no item enquanto estiver no modo Criar um Sim para ocultá-lo. Para que ele volte a ser exibido, vá em ‘Master Controller/Settings/CAS/Blacklist/Clear Blacklist‘ ou ‘Remove Blacklist Part‘.
  • Oculte conteúdo de pacotes específicos (Katy Perry, estou olhando para você)
    Alguns conteúdos usamos apenas em situações específicas, mas não precisamos deles no catálogo para desacelerar nossa experiência no Criar um Sim (que já é longa demais). Vá em ‘Master Controller/Settings/CAS/Hide by Pack‘ para ocultar conteúdo de Pacotes de Expansão, Pacotes de Objetos, Store ou até mesmo do jogo base!
  1. Nraas Overwatch & ErrorTrap
    ‘Overwatch e ErrorTrap‘ corrigem erros e limpam seu jogo salvo de tralhas que o The Sims 3 adora gerar. Você pode escolher o que o ‘Overwatch‘ pode limpar, e estabelecer o momento que ele vai funcionar. Mais informações disponíveis no site Nraas, em inglês.

5 – Mundos corrigidos por ellacharmed

Os mundos desenvolvidos pela EA são cheios de problemas de roteamento e outros bugs, os quais contribuem para que haja lag e possibilidade de muitos outros erros. Quanto mais Sims forem gerados, maiores as possibilidades de que eles fiquem presos e deixem o jogo mais lento. Graças ao empenho da ellacharmed, que corrigiu muitos erros presentes nos mundos criados pela EA e disponibilizou os arquivos para que se faça a substituição, isso agora é coisa do passado. 

Por padrão, os mundos estão instalados em:

  • CD: C:\Arquivos de Programas (x86)\Electronic Arts\The Sims 3 or The Sims 3 Pack\GameData\Shared\Non-Packaged\Worlds\
  • Steam: C:\Arquivos de Programas (x86)\Steam\steamapps\common\The Sims 3\(EPX)\GameData\Shared\Non-Packaged\Worlds\
  • Origin: C:\Arquivos de Programas (x86)\Origin Games\The Sims 3\(EPXX)\GameData\Shared\Non-Packaged\Worlds\
  • TS3 Store: Documentos\Electronic Arts\The Sims 3\InstalledWorlds\.

Faça um backup dos arquivos originais ‘.world‘ , então substitua-os na pasta apropriada pelas versões corrigidas. As versões corrigidas podem ser encontradas aqui e também no site da ellacharmed:

Mundos das Expansões Mundos da Store

Por favor, perceba que essas correções funcionarão apenas em novos saves, sendo assim, não funcionarão em saves já existentes. Seus saves criados antes dessas correções ainda serão jogáveis, mas você poderá notar que alguns recursos podem parecer esquisitos. Considere mover seus Sims para um novo save se desejar instalar essas correções.


6 – Desative o bloom effect

Ele pode não causar um grande ganho de performance, mas eu não suporto esse “recurso”, então estou incluindo um guia de como removê-lo, para melhorar um pouco. Sabe aquele brilho medonho e estranho que alguns objetos (como os armários da cozinha) têm, que faz parecer que há dois sóis neles? Vamos remover isso aí:

  1. Encontre o arquivo ‘GraphicsRules.sgr‘, faça backup dele e abra-o num editor de texto (pode ser o Bloco de Notas). Antes de fazer as alterações necessárias, mova-o para a área de trabalho.
  2. Procure por ‘option AdvancedRendering‘. Essa parte determina as configurações de quando você ativa/desativa a Renderização Avançada nas opções do jogo.
  3. Encontre a linha: ‘prop $ConfigGroup RenderPostProcessEnabled false‘. Ela geralmente está abaixo de ‘setting $Off‘. Selecione-a e copie.
  4. Cole a linha abaixo de ‘setting $On, então a opção vai ser usada quando você ativar Renderização Avançada no jogo.

  1. Salve as mudanças e mova o arquivo de volta na pasta Bin (da qual você tirou o arquivo na primeira etapa)

7 Desative funções online e telas de carregamento interativas

Se você não usa o ‘Shop Mode‘, desabilite-o na parte Opções do jogo. Desconecte-se da sua conta do The Sims 3 se você não usa ela. Também é uma boa ideia desativar ‘Telas de Carregamento Interativas, já que elas podem afetar o tempo de carregamento dos mundos. Claro que, se você gosta dos mini games, pode mantê-las ativadas.


8 – Apague o cachê

É uma boa ideia deletar os arquivos de cache de tempos em tempos, já que eles podem ficar lotados com dados aleatórios que podem afetar a estabilidade do jogo. Eles vão se regenerar quando preciso, deletar eles pode ajudar caso estejam corrompidos.

Os arquivos de cache estão localizados em ‘Documentos\Electronic Arts\The Sims 3\‘:

  • CasPartCache.package
  • compositorCache.package
  • scriptCache.package
  • simCompositorCache.package
  • socialCache.package

9 – Use a opção ‘Salvar como‘ ao invés de apenas ‘Salvar

É recomendado que, de vez em quando, você use a opção ‘Salvar como‘ ao invés de apenas ‘Salvar‘. Isso criará um novo save do seu mundo, em vez de sobrescrever o save atual, o que pode no futuro trazer alguns problemas. Ao ‘Salvar como‘, você sempre terá o save mais limpo possível e também terá backups para voltar no save que quiser caso algo dê errado nos saves futuros.


10 – Modifique o arquivo ‘Sims3.ini’

Na pasta ‘Bin‘ nos arquivos do jogo base, encontre o arquivo ‘Sims3.ini‘, faça um backup do arquivo e abra-o com o Bloco de Notas. Faça as seguintes alterações para que as configurações se pareçam com as das imagens abaixo:

[ResourceSystem] MemoryUsageLimit = 40000000

[Config] DynamicAvoidance_FieldRadius – 0.1
DynamicAvoidance_InactiveFieldLength – 0.1
DynamicAvoidance_MinNonIntersectingDistance – 0.1
DynamicAvoidance_FieldLengthPad – 0.1
DynamicAvoidance_StopDistanceMultiplier – 0.1

Com essas mudanças na ‘[Config]‘, os Sims serão capazes de aproximar-se um dos outros e você deverá notar menos falhas enquanto os Sims estiverem se mexendo próximo um dos outros.


Essas correções nos ajudaram a manter o The Sims 3 mais estável e suave mesmo em configurações altas. Espero que este artigo ajude a todos que seguirem essas dicas para corrigir o jogo, assim como nos ajudou. Assim que descobrirmos um novo método útil para corrigir o jogo, atualizaremos esta página.

Artigo desenvolvido pelo @Crosimmer

Traduzido e Adaptado por Alala Sims, Junior (@JRMilek),
Beatriz (@exlobisomem) e kase (@BR1NG1TON).